Aventura Pronta - A Corrida Pelos Ovos de Páscoa

Uma aventura de Páscoa para Fair Leaves

Cena 1 - A preparação

A primavera começa a dar sinais de estar chegando em Fair Leaves, e com ela, além das flores e da grama verdejante ainda úmida do orvalho do degelo do inverno, vem a tradicional Caçada aos Ovos de Chocolate na Páscoa, mantida pelos senhores e senhoras da Associação Cultural de Fair Leaves, uma tradição de festejos que vem da época da Fundação, sendo que alguns dizem que ela foi imposta pelo Patriarca dos Bieberaus à época, Antonin Bieberaus.

Todos estão em polvorosa, já que isso quer dizer, em especial, muitos e muitos doces, quase tanto quanto no Halloween! E a Turma não poderia ficar atrás, assim como todas as crianças da Escola do Senhor Goatzeit, que estão só na expectativa de comerem chocolate até se acabarem.

Entretanto, isso também trás uma coisa bem chata: aguentar o pavonear do garoto mais chato da cidade, Richard McHog. Ele gosta de lembrar a todos que um dos principais patrocinadores da Associação, e portanto da Caçada, é seu pai, o senhor Lemont McHog. E ele vai usar isso para esfregar na cara de todo mundo o quanto ele puder sobre a riqueza dos McHog, que são donos de metade de Fair Leaves, e querem comprar a outra metade.

Todos começam a mencionar tradições Natalinas, e esse é um momento onde pode ocorrer um roleplay bem interessante, em especial se você quiser colocar algum Geninho do grupo contra a parede, talvez oferecendo um Ponto de Destino para que os demais o considerem muito chato por ficar demonstrando em excesso seus conhecimentos.

De qualquer modo, as coisas vão cada vez mais ficando empolgantes…

… até à noite antes da Caçada.

Cena 2 - A noite antes da caçada

Na noite antes da Caçada, enquanto os personagens preparam cestas para que as crianças (incluindo eles) coloquem os ovos que conseguirem, os adultos responsáveis por eles avisam que vão passar a noite fora, e deixam claro que eles devem ficar em casa durante a noite, SENÃO… Deixe claro que os personagens devem obedecer seus pais, se não quiserem correr o risco de ficarem de castigo na Páscoa (e, portanto, sem chocolate!).

Entretanto, enquanto eles estão dormindo, eles escutam barulhos estranhos, como de alguma coisa saltitando pelas ruas, becos e vielas de Fair Leaves. Se eles desejarem seguir esses barulhos, será um teste Razoável de alguma Atitude apropriada (normalmente Esperto ou Ativo). Se os personagens desejarem ser Sucedidos a Custo, deixe claro que seus pais vão saber que eles “fugiram” durante a noite (deixaram janelas abertas, ou portas, e por aí afora).

De qualquer modo, conforme os personagens vão andando pela cidade (provavelmente de pijamas), eles vão percebendo que as pegadas que eles seguem não são comuns: parecem ter o formato de patas de coelho, mas não como a de um personagem coelho; são mais alongadas e finas. Além disso, eles encontrarão uma série de tufos de pelo branco, que, em caso de passar em um teste Regular (+1) de uma Atitude apropriada, perceberão ser de um coelho ou lebre. Personagens que tenham tido um Sucesso com Estilo vão lembrar que coelhos, em especial os mais novos, possuem períodos de muda de pelos.

Cedo ou tarde todos os personagens da Turma vão se encontrar, perto da saída da cidade para os campos de Fair Leaves, na direção de Deep Lakes. Essa região é conhecida por ser um local de florestas e campos mais densos que a região para Great Willows, perto do rio Donahue e da Floresta do Urso Malhado. O caminho que eles seguem vai dar no Bosque do Casebre.

Cena 3 - Reinhardt McEaster

Aqui começa uma “perseguição” entre os personagens, tentando encontrar o dono das pegadas, e o dono das pegada, que não deseja ser visto!

Perseguindo um Coelho

  • Objetivo dos PCs: encontrar o dono das pegadas e dos pelos que eles viram pela cidade
  • Objetivo da Oposição: evitar ser visto
  • Forma de Resolução: Perseguição (Fate Ferramenta de Sistemas, 43) - os personagens são os perseguidores, o Coelho o perseguido. 10 caixas, com 6 preenchidas inicialmente. Como alternativa, use uma Disputa comum
  • Aspectos em Cena: Floresta Escura e Densa; Barulhos estranhos; Animais noturnos… Muitos agressivos com crianças!
  • Vitória: Os personagens acabam alcançando Reinhardt McEaster, o Filho do Coelho da Páscoa
  • Derrota: Os personagens devem começar a perseguição ou disputa novamente, ou então voltar para casa…
  • Condições: Cansado, Chateado, Assustado, Machucado

Reinhardt McEaster é o Filho do Coelho da Páscoa, George McEaster, e ele gosta de ver as coisas antes da Páscoa. Entretanto, assim como outros Coelhos da Páscoa, ele segue (ou deveria) uma premissa básica de nunca ser visto, não importa o que aconteça: no passado, muitos Coelhos da Páscoa foram machucados ou mesmo mortos pelos chocolates e por talismãs da sorte.

Se Reinhardt for alcançado, ele ficará assustado, mas se os personagens se aproximarem com cautela e bom senso, eles conseguirão conversar com Reinhardt.

Algumas perguntas que ele pode responder, e as respostas, além de comentários sobre se ele está mentindo ou não e:

“Na verdade, meu pai é o Coelho da Páscoa, ao menos aqui em Fair Leaves…“

“Seria impossível para um único Coelho da Páscoa distribuir ovos por todo o mundo de uma única vez… Então existem várias famílias de Coelhos da Páscoa por todo o mundo que fazem essa função. E eu sou de uma delas.”

Essa é uma verdade: o mundo fora de Fair Leaves, por mais que os personagens não saibam, é enorme, e portanto seria impossível um único Coelho da Páscoa levar todos os ovos para todos os lugares de uma única vez, então existem várias famílias de Coelhos da Páscoa ao redor do mundo, e os McEaster são a que atua em Fair Leaves

+. Por que você fugiu ao andar pela cidade?

“Eu queria conhecer outros da minha idade, mas meu pai disse que não deveria me envolver com pessoas comuns: no passado, muitos Coelhos da Páscoa foram mortos por causa da idéia do pé de coelho dar sorte. Vamos falar a verdade: um pé de coelho não dá sorte nem para coelhos!”

Todos os Coelhos da Páscoa se escondem de pessoas comuns porque muitos acreditam que o pé de coelho dê sorte, e acabam caçando e matando coelhos (e Coelhos da Páscoa por tabela) pelos pés de coelho.

+. Gostou da Cidade?

“Claro que gostei… Mas descobri uma coisa: aquele garoto mimado estava acordado, procurando ovos antes de todo mundo! Por isso corri, para alertar meu pai, pois ele estava buscando os Ovos que nós guardamos, e não os que os pais dele colocavam! Mas tive que fugir quando percebi que meu pelo estava começando a cair por causa da muda! Acho que ele pode ter percebido minha presença por causa disso!”

A muda de pelos é algo natural em Coelhos, e não seria diferente no Coelho da Páscoa: de tempos em tempos, espaçados cada vez mais conforme a idade aumenta, os pelos de um coelho vão caindo e sendo substituídos por pelos novos.

Além disso, tem a questão do McHog: Reinhardt percebeu que Richard McHog está trapaceando na Caçada dos Ovos de duas formas diferentes: primeiro, ele está vendo na rua os adultos escondendo os ovos, ou seja, ele sabe onde os mesmos estão. E, segundo, ele está pegando os ovos que o Coelho da Páscoa está escondendo, o que aumenta ainda mais o número de ovos que o mesmo está conseguindo!

Uma coisa importante: se a Turma conseguiu seguir McEaster, com certeza McHog também, e os personagens devem ter na cabeça que ele acredita que McEaster e todos os ovos de chocolate, Como a cidade, tudo que está nela é Dele! Ele com certeza tentará encontrar os McEaster e com isso obrigar eles a fazerem ovos e mais ovos para ele se pavonear e humilhar as demais crianças, sem se importar com a liberdade dos Coelhos da Páscoa.

Não deve ser difícil para os personagens realizarem que é hora de dar uma lição em McHog…

E a floresta pode ser uma boa forma.

Cena 4 - Uma lição ao mandão

Os personagens poderão conversar com Reinhardt para criar algum tipo de emboscada ou travessura para assustar o mandão, com Reinhardt ajudando: ele teme o que Richard pode fazer à sua família se não for parado.

Narrador, agora deixe os personagens preparar todo tipo de armadilhas e coisas assustadoras: talvez fantasmas? Ou quem sabe conseguir o pegar e o empaturrar de chocolate até ele passar mal? Talvez possam obter a ajuda dos pais de Reinhardt, se conseguirem discutir.

Como sugestão de resolução, faça com que cada personagem use ações de Criar Vantagem para preparar as armadilhas, e, após algumas rodadas, faça com que eles disparem as armadilhas contra Richard. Os personagens não poderão usar Atitudes e apenas usarão os Aspectos relacionados às Armadilhas preparadas, inclusive usando apenas as Invocações Gratuítas criadas. Se McHog for Derrotado no processo (considere como um conflito onde os Aspectos provocam Estresse contra McHog), ele irá recuar Apavorado, e com muito medo, deixando para trás sua cesta de ovos de chocolates roubados.

Reinhardt irá mencionar desejar participar da Turma, mas talvez os personagens precisem convencer o pai de Reinhardt que eles não são maus, e que o segredo dos Coelhos da Páscoa está em boas mãos (talvez, recebendo um Aspecto de Turma relacionado ao segredo dos Coelhos da Páscoa). Em geral, se os personagens não fizerem nenhuma besteira, o pai de Reinhardt será favorável ao filho ter amigos entre crianças comuns.

De qualquer modo, agora será hora de caçar ovos… E colocar o Mandão contra a parede.

Epílogo - O mandão assustado

No fim das contas, Richard deverá estar tão apavorado que não desejará caçar ovos de Páscoa, e não negará se o Cesto de Ovos de Chocolate Roubados for revelado aos pais. Isso certamente renderá um castigo ao mesmo.

Por fim, todos irão comemorar comendo muito chocolate… Potencialmente até ficarem Machucados, a barriga cheia de tanto chocolate que estarão doentes, apenas podendo tomar chá de boldo ou oléo de fígado de bacalhau (ECA!).

Essa aventura conta como um Marco Menor

Ganchos para aventuras futuras:

NPCs

Reinhardt McEaster

Aspectos
Pergunta Aspecto
Playsheet A Criaturinha
Que tipo de poderes você possui? Rápido como um coelho, sei me esconder e esconder doces
Quais tabus você deve seguir? Ovos de chocolate por toda a parte na Páscoa, esse é meu dever!
Como você se relaciona com a Turma? Será que posso conversar com eles? Meu pai pode ficar bravo!
  Eu também quero me divertir!
  Aparentemente medroso - na verdade, sofre de balastofobia (medo de barulhos altos como os de tiros)
  Não posso ser visto, como todos os Coelhos da Páscoa!
Atitudes
Atitude Nível
Ativa Razoável (+2)
Desenvolta Regular (+1)
Divertida Razoável (+2)
Esperta Regular (+1)
Fofa Bom (+3)
Façanha Exclusiva

Richard McHog

Você nasceu no melhor berço de ouro de Fair Leaves: filho da última das Famílias Fundadoras que ainda se mantêm em Fair Leaves, seu pai é basicamente dono de metade da cidade (sendo que ele está dando um jeito de conseguir o resto), e portanto você tem tudo do bom e do melhor. E não existe garoto no mundo melhor que você, não importa o que a Turma ache, aqueles bocós.

Richard McHog é um menino porco (real), sempre limpo e engomadinho, mas sempre dando um jeito de encher a pança. Como todo Mandão, ele sempre tem próximo a si o seu séquito de “amigos” que o cerca mais pelo seu dinheiro do que por qualquer outra coisa.

Aspectos
Pergunta Aspecto
O que te torna tão importante? Sou o herdeiro da última Família Fundadora de Fair Leaves, QUE FIQUE CLARO!
Como você acaba dando-se mal? Não vou sujar minhas mãos por pouca porcaria
Como você vê as demais pessoas a seu redor? Como a cidade, tudo que está nela é MEU!
  Extremamente invejoso
Atitudes
Atitude Nível
Ativo Regular (+1)
Desenvolto Regular (+1)
Divertido Razoável (+2)
Esperto Bom (+3)
Fofo Razoável (+2)
Façanha Exclusiva: