Personagem Exemplo de Espírito do Século: O Gralha

Nascido na pobreza, no início de sua vida o homem que viria a ser conhecido como O Gralha foi um trombadinha qualquer treinado por um ladrão mais experiente. Com a Grande Guerra, ele recebeu uma opção após ser preso: ser morto pelos seus crimes ou “agir em nome do país”.

Não precisa ser muito esperto para entender que opção ele escolheu. Sua vida pregressa foi completamrente anulada: não existem documentos oficiais com o seu nome, idade, data de nascimento, nada. Tecnicamente, o Gralha não apenas não existe como nunca existiu. Não se sabe quantas missões ele cumpriu de espionagem, invasão e roubo de documentos secretos, mas se as lendas são verdadeiras a Guerra teria tido um rumo completamente diferente sem a ação do Gralha.

É uma pena que suas ações não tenham sido reconhecidas por seus superiores após a Guerra: ameaçado de morte e sem contar com a proteção dos governos (ele “nunca existiu”, para começar), procurou refúgio em um Mosteiro em honra à deusa hindu Saravasti, onde recebeu mais conhecimentos e estudos em línguas, filosofia e artes de combate corpo-a-corpo.

Com o tempo e vendo os pecados que derivaram da Grande Guerra, ele voltou a usar a alcunha de O Gralha, para roubar dos opressores e ajudar a vida dos oprimidos, tornando-se um justiceiro, uma espécie de Robin Hood moderno, contando com as habilidades de espião e ladrão para proteger os mais fracos.

Agindo no escuro, roubou fortunas inteiras para oferecer aos desfavorecidos, em busca de redenção pelo que fez no passado. Nessa época, abandonou o Mosteiro e passou a viajar o mundo. Nesse momento, Despertou como Primordial, deixando para trás sua vida pregressa, que tornou-se apenas passado. Ninguém conhece realmente as feições do Gralha: ele está sempre oculto debaixo de sua máscara em forma de bico de pássaro, que lembra uma máscara de baile veneziano ou de Commedia Della Arte.

Não usa armas de fogo e não mata, mas recorre às técnicas marciais aprendidas no Mosteiro de Saravasti para nocautear seus inimigos, e ainda assim recorrendo a isso como último recurso. De certa forma, ser um “ladrão bondoso”, um Robin Hood moderno, é a missão Primordial do Gralha.

Conhece diversos dos Primordiais e ajudou a resgatar a pequena sapeca Hannah Striker das mãos do inimigo mortal dela, Li Shang. Sabe que não é visto com bons olhos por muitos, inclusive por aliados como Katsuya, Cairo e até mesmo Angelus. Mas prefere uma hostilidade honesta à hipocrisia de ocultar as opiniões.

Seu inglês perfeito aparenta deixar claro que ele é americano ou britânico, mas o fato de falar de comidas exóticas e do panini italiano, dos pães sírios e do goulash húngaro indica que a nacionalidade e idade dele, como no caso de tudo quanto ao Gralha, é desconhecido.


O Gralha

Ladrão Redimido, Espião e Primordial

Características

  • Idade: desconhecida - por volta do 35
  • Sexo: Masculino
  • Nacionalidade: Desconhecida, aparentemente de país Anglófono
  • Cabelos: Moreno
  • Olhos: Azul
  • Características Marcantes: máscara de pássaro ocultado o rosto, se veste com roupas escuras.
  • A Aventura:  O Monastério de Saravasti – uma aventura dO Gralha

Aspectos

  • Pobre
  • Trombadinha
  • Espião
  • Vida Anulada - não “existe oficialmente”
  • Refugiado: Mosteiro de Saravasti
  • Busca por Redenção
  • Primordial
  • Robin Hood
  • “Minha vida passada é irrelevante”
  • Viajado

Perícias

Nível Perícia Perícia Perícia Perícia Perícia
Excepcional (+5) Arrombamento        
Espetacular (+4) Esportes Furtividade      
Ótimo (+3) Empatia Punga Sobrevivência    
Bom (+2) Armas Brancas Briga Resistência Determinação  
Regular (+1) Mistérios Engenharia Estudos Ciência Comunicação

Façanhas:

  • Sensibilidade para Armadilhas
  • Sentido Temporal
  • Diagrama Mental
  • O Grande Roubo
  • Nocaute Furtivo
    • Façanha de Furtividade - Exige Furtividade Bom, Briga Adequado e Diagrama Mental
    • Gastando um Ponto de Destino, o Gralha tem direito a um ataque contra um alvo usando Furtividade ao invés de Briga. Se acertar, provoca imediatamente uma Conseqüência Severa “Inconsciente”. À exceção disso, não gera nenhum outro tipo de dano.

Linha de Tensão:

  • Vitalidade: 6
  • Auto-Controle: 6

Personagem Exemplo de Espírito do Século: Hannah Striker

A mais jovem das Primordias conhecidas, e uma das poucas que ainda não são conhecidas por Angelus, Hannah apenas recentemente descobriu que suas traquinagens são parte de seu Dom Primordial.

Seu pai era o famoso aviador Will Striker, que foi parado apenas após ser abatido na Grande Guerra por ninguém menos que o Barão von Richtoffen, o Barão Vermelho.

De sua mãe, uma corista que morreu de tifo, Hannah herdou a beleza e a “cara de anjo”. Do pai, a habilidade de pilotar e a capacidade de montar e desmontar qualquer coisa, o que ajudou quando os pedais de Lollipop, o Hidro-Avião, não chegavam no seus pés.

Ela não se importa de vestir-se como menino quando é necessário, principalmente quando dá manutenção no avião.

Atualmente viaja o mundo junto com outros Primordiais, em especial Ingrid e Radaj. Gosta de todos os Primordiais, até mesmo da femme-fatale Nina Stromberg.

Sabe que suas traquinagens já lhe renderam inimigos poderosos, como Li Shang, o Mestre dos Mistérios Tao. Mas o que importa? Vamos nos divertir!!!


Nota: Esse exemplo foi retirado de meu antigo blog, e é para o SRD do Fate 3.0 - Espírito do Século lá publicado. Está colocado aqui mais como curiosidade histórica e porque pretendo no futuro transformar ele em um personagem de Fate Básico, seguindo as orientações do livro Strange Tales of the Century da Evil Hat.


Hannah Striker

Piloto, Órfã e Primordial

Características

  • Idade: 12(!!!)
  • Sexo: Feminino
  • Nacionalidade: Inglaterra
  • Cabelos: Castanho
  • Olhos: Verdes
  • Características Marcantes: usa roupas de menina ou de menino conforme o disponível; maria-chiquinhas; sardas; óculos de aviador do pai; relicário com a foto do pai
  • A Aventura: Hannah Striker e suas Traquinagens

Aspectos

  • Cara de Anjo
  • Traquinas
  • Órfã: Will Striker
  • “Se está inteiro, desmonte”
  • Aventura em Templos
  • Inimigo: Li Shang, Mestre dos Mistérios Tao
  • “Isso é Divertido!!”
  • “Roupas de Menino são boas quando necessário!”
  • Lollipop - Hidro-avião
  • Primordial

Perícias:

Nível Perícia Perícia Perícia Perícia Perícia
Excepcional (+5) Pilotar        
Espetacular (+4) Arrombamento Comunicação      
Ótimo (+3) Esportes Resistência Determinação    
Bom (+2) Prontidão Estudos Ciência Engenharia  
Razoável (+1) Mistérios Empatia Enganar Armas Brancas Briga

Façanhas:

  • Avião Pessoal
  • Aeronave Protótipo (x2)
  • Mecânica de Avião
  • Piloto Preciso

Aeronave Pessoal: Lollipop - Hidro-avião

  • Independente
  • Resistente (x2)
  • Armado;
  • Capacidades Adicionais:
    • Autonomia Ampliada - Ele pode passar mais tempo no ar do que um avião convencional
    • Adaptações - Lollipop teve o conjunto de comandos do piloto adaptado para o tamanho de Hannah, portanto ela pode pilotar esse avião sem redutores. O comando do co-piloto e os demais comandos são do tamanho adequado para pessoas adultas (por Aeronave Pessoal);
    • Habilidade (por Aeronave Pessoal)
    • Uso Alternativo:
      • Hidro-Avião - Permite pousar na Água tanto quanto na terra (Pilotagem Ótimo para passar de um modo a outro)
  • Tensão: 6

Linha de Tensão:

  • Vitalidade: 6
  • Auto-Controle: 6

Hannah Striker

A mais jovem das Primordias conhecidas, e uma das poucas que ainda não são conhecidas por Angelus, Hannah apenas recentemente descobriu que suas traquinagens são parte de seu Dom Primordial.

Seu pai era o famoso aviador Will Striker, que foi parado apenas após ser abatido na Grande Guerra por ninguém menos que o Barão von Richtoffen, o Barão Vermelho.

De sua mãe, uma corista que morreu de tifo, Hannah herdou a beleza e a “cara de anjo”. Do pai, a habilidade de pilotar e a capacidade de montar e desmontar qualquer coisa, o que ajudou quando os pedais de Lollipop, o Hidro-Avião, não chegavam no seus pés.

Ela não se importa de vestir-se como menino quando é necessário, principalmente quando dá manutenção no avião.

Atualmente viaja o mundo junto com outros Primordiais, em especial Ingrid e Radaj. Gosta de todos os Primordiais, até mesmo da femme-fatale Nina Stromberg.

Sabe que suas traquinagens já lhe renderam inimigos poderosos, como Li Shang, o Mestre dos Mistérios Tao. Mas o que importa? Vamos nos divertir!!!


Hannah Striker

Aspectos

Tipo Aspecto
Conceito Criança Primordial, Pilota do Hidroavião Lolipop
Dificuldade Não sabe ficar quieta e nem deixar nada quieto
Infância Cara de Anjo
Guerra! Orfã: Sir Will Striker KBE (Póstumo), Piloto da RAF
Aventura! Inimigo: Li Shang, Mestre dos Mistérios do Tao
Participação Especial “Roupas de Menino são boas quando necessário!”
Participação Especial “Ingrid e Radaj podem contar comigo!”

Perícias

Nível Perícia Perícia Perícia Perícia
Excepcional (+5) Condução      
Ótimo (+4) Furtividade      
Bom (+3) Vontade Ofícios    
Razoável (+2) Ciência Percepção Vigor  
Regular (+1) Empatia Enganar Percepção Lutar

Façanhas [ Recarga: 5 ]

  • Mecânico de Avião: +2 em todos os testes de Ofícios envolvendo Aviões de qualquer tipo
  • Essas Hélices não estão boas: Substitui Ofícios por Condução em todos os testes de manutenção de aviões
  • Lolipop - O Hidro-avião
    • Permissão: Aspecto
    • Custo: 3 Façanhas
    • Autonomia Ampliada: +2 em todos os testes de Superar problemas relacionados à falta de combustível ou suprimentos
    • Obra-Prima: +1 em todos os testes de Condução ao pilotar o mesmo
    • Hidro-avião: +2 em todos os testes de Superar envolvendo aterrizagem adequada em locais com água ou gelo

Estresse

  • Físico: 5
  • Mental: 4